terça-feira, 28 de dezembro de 2010

INSTITUTO CHICO MENDES - 03 ANOS DE ATUAÇÃO

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) completou em 27 de agosto de 2010, 3 anos de existência com a expectativa de se transformar, em pouco tempo, em uma das maiores instituições de pesquisa do mundo. A afirmação é de seu presidente, Rômulo Mello, durante a abertura do II Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do ICMBio no último dia 17 de agosto. Segundo Rômulo, isso será possível “não por que teremos a maior quantidade de recursos ou a maior quantidade de pesquisadores, mas por que ofereceremos à academia  os hoje 78 milhões de hectares de áreas protegidas que servem à conservação”.
Na solenidade de comemoração de seu 3º aniversário no Parque Nacional de Brasília, foram doados ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome 65 mil metros cúbicos de madeira apreendida. Também serão assinados atos de criação de conselhos deliberativos e consultivos de unidades de conservação, serão apresentados novos planos de manejo e também serão anunciadas a criação de novas reservas particulares do patrimônio natural – RPPN.
O ICMBio é uma autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente e integra o Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama). Com a atribuição de realizar a gestão de 310 unidades de conservação federais, propor a criação de novas áreas protegidas e apoiar aproximadamente 500 RPPN do País, o Instituto Chico Mendes ainda é responsável por definir e aplicar estratégias para recuperar o estado de conservação das espécies ameaçadas por meio dos Centros Especializados de Pesquisa e Conservação.
Fonte: Ascom MMA/Ascom ICMBio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário